Sobre o Site e a Revista!Últimas Atualizações
| avança | notícias Principia, Capa (ato 1)
| avança
Principia (Capa (ato 1)):
Por Aurell Tenshi (©2005)
Visitem o Tópico Oficial de Principia (Philosofiae Naturalis Principia) no fórum.


Para salvar os gatinhos da ira do mushi, é simples!! Clique no botão "agora... clique aqui e COMENTE!" ali do lado e dê sua opinião sobre a história :)
Caso seja tímido para falar, apenas dê suas notas sobre o roteiro e a arte (um pouco acima, tem até um botão com dicas para votar!) ^-^ E pros mais exaltados, não custa lembrar que temos um fórum, com tópicos específicos para cada história, é só se cadastrar e falar!
PS: caso queira comentar essa campanha, o link é aqui, no fórum. Comentários sobre os gatinhos em lugar errado vão ser mortos... com os gatinhos.

 
5 - ótimo, excelente.
4 - bom.
3 - regular, normal.
2 - fraco, ruim.
1 - péssimo. A pior nota possível.
0 - abstenção, dar nota nenhuma nesse item.

Sobre avaliar roteiro: Evite avaliar o enredo de uma página isolada, dê notas considerando o conjunto da história até aquele momento. Mas se a página sozinha for excepcionalmente ruim ou boa para ter nota própria, faça isso :)
12345
12345
Arte: 5.0
Roteiro: 5.0
Votos: 1










Type the characters you see in the picture above.

cad: não gostei da logo, e acho q tem muitos efeitos de brilho oq está destoando a arte.
Aurell: Saudações celestiais, Cad! Gostaria de deixar claro que respeito a sua opinião em relação a minha capa. Afinal ninguém consegue agradar todo mundo ao mesmo tempo, não é mesmo? Quando desenvolvi a capa de PRINCIPIA queria enfatizar a simbologia e o misticismo marcantes nesse manga. Ele é um relato de um sonho que tive há cerca de cinco anos atrás, e recentemente transformei em quadrinhos. Existe uma forte influência das teorias de Freud e do movimento artístico surrealista. Eu chamo a ilustração de capa de ÚTERO FÉRTIL ESTRELADO, pois simboliza a vida e o nascimento. As mãos protegendo cuidadosamente um embrião-semente até seu crescimento em uma criança-planta, passam uma idéia de evolução e crescimento. Enquanto aos efeitos luminosos representam o pólen da vida que busca germinar algum dia dentro do útero. Para o logotipo de PRINCIPIA coloquei um efeito luminoso, que tipo tenta “apagar”, “prejudicar” e “interferir” nesse principio. Enfim, há alguma coisa errada nesse suposto novo mundo que não permitirá esse início. Isso é meio que uma metáfora metalingüística, que revelarei no decorrer das páginas. É sobre essa atmosfera filosófica e de sonhos que se desenvolve o enredo. O objetivo é bem simples: contar a história de um romance que tem como pano de fundo a evolução das espécies e a extinção (ou quase extinção) da raça humana. Como também gosto de arriscar, experimentar novas técnicas e concepções, e fugir de certos “conceitos ortodoxos fixados” para capa e afins. Então, busquei a simplicidade dos detalhes e de poucas cores. Bem, isso é tudo! Espero que continue lendo minhas enrolações de roteiro e desenhos muitos loucos... Mil desculpas celestiais a todos pelo extenso comentário.... (^_______^)
Axia: Adorei as simbologias usadas nesta ilustração. Realmente existe um cuidado muito grande em cada detalhe dela.
Hikary: Olá Aurell! Amei memo a capa! Como a Axia disse a simbologia está maravilhosa e as cores e brilhos serviram para enfatizar ainda mais! Tá de parabéns!
 
 
Vakinha do Eibl (6)

Oioi

Faz tempo que não atualizo essa série de posts e não trago muito boas notícias:
1) Viajamos recentemente, mas antes de viajar, Eibl estava com o olho fechado (foi removido), a otite estava persistente e, um plus a mais, havia uma pedra no rim.
2) Durante estes dias, deixamos ele no veterinário que está cuidando dele, para tratar da infecção, talvez retirar a pedra e quiçá fazer a castração.


02mai17 - Eibl, na fase chinchila gordo, na gaiola^^ Se Deus quiser, volta a ser fofo assim logo!

Voltamos na sexta a noite, namorada só conseguiu vir pra Sampa ver o animalzinho dela na segunda e:
a) a otite não sarou, persiste mais que o Temer. Tiveram de reabrir o olho retirado para drenar pus, etc. Tá ruim =/
b) na cirurgia para o cálculo renal, descobriram que não estava mais nos rins: tinha decido para a uretra. Como chinchila literalmente tem um osso no pau, o báculo, não tem muito como mexer ali. A idéia era mais pra frente tentar fazer a pedra retornar e então retirar.
c) dadas as circunstâncias, não houve castração, mas o roedor-pirata está com um buraco na barriga.

Assim mesmo, os médicos acharam melhor ele voltar para a dona assim que chegamos. Ok. Ela cuidava dele, ele ainda estava bem amuadinho, talvez sentisse um tanto da dor de tantas intervenções, mas já na terça à noite estava saindo bastante pus na barriga. No dia seguinte, fui convocado (to de férias :P) para levar o Eibl ao médico... e ele ficou lá =/


19set17 - um dia antes de voltar pra internação, no meu colo

E ainda está internado: a infecção está generalizada, está tomando mais um antibiótico (que corre o risco de ferrar o rim) e sabe-se lá quando ele vai ter alta, e depois disso, quando Eibl vai parar de sofrer (e a gente, por tabela). Porque até cicatrizar, até pararem de mexer em feridas, ele vai ficar desconfiado, arisco, mordedor. E com razão =/

Eibl, o chinchila de minha namorada está doente (chegando a perder um dos olhinhos no processo). Os custos com veterinários, remédios, transportes, cirurgias etc estão ficando altos e decidimos fazer uma vaquinha para tentar cobrir ao menos paret do rombo.

Cliquem aqui para colaborar: http://quadr.in/eibl. Caso queira fazer depósito direto na minha conta, me contate via mail (mushisanARROBAyahooPONTOcom) que passo os dados de contas, etc^^
(e agradeço aqui quem, mal divulgada, já ajudou com a vaquinha, seja em dinheiro, seja em divulgação =********** )

Para saber mais detalhes, no site da vakinha tem infos e fotos, as mesmas do primeiro post dessa série.


24set17 - hoje namorada foi no vet ver ele e me mandou essa foto dele dormindo no colo dela ;;

E, sério, caso você não possa colaborar com a vaquinha, divulgue nas redes sociais. Só o fato das pessoas se importarem já é de muita ajuda. E, claro, preces também são muito bem vindas!

Por mushi-san em 24/09/17
***Clique aqui e comente senão eu choro ;_;***
Quando personagens mudam

Um textinho bobo, porque preciso reaprender a escrever sobre as bobices da vida.

Depois da viagem, ainda tenho algum tempo de férias e decidi voltar a por a mão na massa no "wannabook", o livro que comecei faz tempo e que provavelmente terminarei daqui a duas encarnações. Pra dizer com sinceridade, estava com uma escala e método pra implantar e internalizar, mas deu problemas na execução, vamos ver se semana que vem (a última das férias), a coisa engrena.

Enfim, to lá eu revisando e topo com isso aqui:


sim, eu escrevo no notepad++

Para quem não conhece minhas tirinhas (Eieieieiei, quem é você? O que você faz aqui?), Maria é uma das minhas personagens e gosto de retratar ela como geralmente levada por Klara, talvez até um tanto contida, não como uma hiperativa :P Ou melhor, no decorrer das tirinhas esses traços foram se incorporando à personalidade dela, sobrepondo essa primeira descrição dela, que tive de apagar =)

Volta e meia encontro outras "transformações" assim no texto: personagens que mudaram de cor de cabelo ou olhos do texto pra versão nas tirinhas, ou personagens apagados numa versão que aparecem muito em outra :P Faz parte.

Mas, talvez, essa "proto-Maria" na verdade seja uma versão mirim e clareada de Catarina, outra canteniana, amiga de Raquel. Essa sim é hiperativa :)

Por mushi-san em 24/09/17
Virou chat! Tem 2 comentários!! Clique aqui e comente você também!

Adriana (Strix): Personagens não ligam para o que você acha deles, eles simplesmente são. xDD

mushi-san: nessas e outras eu digo que a gente não cria, nós é que recebemos infos dos personagens diretamente de outro universo.
Voltei o/

Por segurança, não gosto de avisar publicamente. E, quando aviso, não dou exatidão^^ Mas nas duas últimas semanas viajei com namorada e visitamos Santiago, fomos batizados num riacho gelado nos Andes (guia da excursão inventou trajeto tosco, escorregamos e caímos no fio de água brava cercada de neve), depois pulamos pra Buenos Aires. Deixei várias fotos no instagram e tentei encadear minhas opiniões no twitter (tem algumas acima e trocentas abaixo), tem até namorada cantando "livre estou" na neve :P


em azul, viagem de 2014, em vermelho, a de 2017. Em branco, cidades onde a gente e pessoas legais moram :)

Resumo dos dias de viagem, para eu me guiar no futuro:
04 - São Paulo - Buenos Aires - Santiago
05 - explorando Santiago
06 - funicular e teleférico
07 - neve! banho gelado!! livre estou!!!
08 - museu da memória dos Direitos Humanos
09 - troca da guarda, museu de trens
10 - chuva ¬¬
11 - Santiago - Buenos Aires
12 - explorando Buenos Aires
13 - cemitério, gripe
14 - navios, rio da Prata
15 - Buenos Aires - São Paulo

Por mushi-san em 18/09/17
***Clique aqui e comente senão eu choro ;_;***
Vakinha do Eibl (5)

Atualiazação: parece que olho está sarando bem, mas a otite ainda tá lá. Veterinário está evitando dar antibióticos, que irritam um estômago que já sofreu demais com gases e tudo o mais.

Eibl, o chinchila de minha namorada está doente (chegando a perder um dos olhinhos no processo). Os custos com veterinários, remédios, transportes, cirurgias etc estão ficando altos e decidimos fazer uma vaquinha para tentar cobrir ao menos paret do rombo.

Cliquem aqui para colaborar: http://quadr.in/eibl. Caso queira fazer depósito direto na minha conta, me contate via mail (mushisanARROBAyahooPONTOcom) que passo os dados de contas, etc^^
(e agradeço aqui quem, mal divulgada, já ajudou com a vaquinha, seja em dinheiro, seja em divulgação =********** )

Para saber mais detalhes, no site da vakinha tem infos e fotos, as mesmas do primeiro post dessa série. Como era um texto que ficou demais e nem todos lerão, decidi fazer alguns mais curto... que também são um excelente motivo para por mais fotos dele aqui :)

...afinal, o bicho é fofo :3


02dez15 - gordinho, de pelo seco, fingindo que gosta de posar para fotos

E namorada tem lençol do pokemon, morram de inveja.


10ago17 - no colo da dona, topando um cafuné


10ago17 - Eibl não gosta de mim, já falei. E quando chinchilas se sentem ameaçados, além de enfrentar, gritam tentando espantar e chamar os companheiros do bando (não que eles existam :P)

...pouco antes de filmar, ele tinha tentado me morder e não quis repetir a performance na frente das câmeras :P

No veterinário, especializado em animais exóticos (praticamente tudo, exceto gatos e cachorros) era comum encontrar donos de coelhos e de hamsters, bichos fofos que roem muito que nem o Eibl, mas que não soltam nenhum som. Sem excessão, todo mundo fica encantando...
- Ohhh, que lindo, ele faz barulhos *-*
- Ele tá com medo, por isso ele faz estes sons.
- Que fofo!
- Eibl tá apavorado.
- Faz de novo?
- Qual a parte de que "chinchilas praticamente só fazem sons quando estão se sentem em perigo" vocês não entenderam?
O encanto de ouvir um roedor que quebrou o voto de castidade da ordem é mais forte que o bom senso das pessoas =p

Por mushi-san em 14/08/17
***Clique aqui e comente senão eu choro ;_;***
Marissel: girassóis em fundo verde (bolsa)

Minha mãe tem um DeviantArt, que eufiz para ela XD, e estou colocando os trabalhos dela por lá =)

Esse inclusive ela fez estes dias :))


Cliquem na imagem para verem maior. Se quiserem ver o detalhe, o link é aqui


Visitem: http://marissel.deviantart.com/

Por mushi-san em 14/08/17
***Clique aqui e comente senão eu choro ;_;***


mais postagens
no blog

me sigam
no twitter
MushiComics: Que site é esse?

MushiComics é uma site de histórias em quadrinhos online em que todas os dias - exceto domingos e feriados - pelo menos uma nova página de quadrinho é colocada aqui para você ler ;)

Estamos sempre procurando novas histórias e colaboradores! Você tem uma história? Junte-se a nós! Aceitamos hqs em todos os estilos (comics, mangá etc), exceto histórias pornográficas / hentai / eróticas e quadrinhos com personagens de terceiros sem autorização dos criadores. (Maiores informações, clique aqui e mande mail para o mushi-san)

Há também uma versão impressa do site, a revista MushiComics, com histórias inéditas e vendidas em algumas lojas de São Paulo, Rio de Janeiro, Curitiba, Brasília, Natal e Palmas e também pelo correio. (clique aqui para se informar mais)

Para terminar o site pode ser acessado por dois endereços: www.mushicomics.com ou www.mushi-san.com.