December 2011 Archives

...e enquanto procuro minha gata mais fofa de volta, um vizinho me mostrou um pequeno problema de megaorelhas que tem de resolver:


Bem novinha, é bem calma...


...e cabe em uma das mãos ^^

Assim como eu, o dono do lar temporário dessa menininha tem gatos demais em casa e não dá para ficar com ela. Interessados na zona (do extremo) leste de Sampa, especialmente São Mateus e arredores, me avisem nos comentários ou por meu e-mail (mushisan[arroba]yahoo.com) que damos um jeito de levar =^.^=


(ela não fica comigo por que estamos realmente sem cabeça para um gato novo - fora que Milla já chegou "estourando a cota" e só ficou conosco por causa da luta que foi para que ela vivesse)

Algumas coisas que queria comentar, mas acho que o post sobre o desaparecimento de Milla já está bastante sobrecarregado:

• 1) Milla tem diversos vídeos no youtube/blog, o mais recente e um dos mais fofos é esse dela com minha sobrinha:

http://youtu.be/DXOQFCOj8SU

Uma das características de Milla é que ela é muito beijoqueira e carinhosa, bem acima da média felina (apesar dela ter os nervos dela, as marcas dos meus braços dizem isso)

No meu canal do youtube tem vários outros vídeos com ela bem mais pirralha, acho que não servem pra divulgação (mas vejam ela crescendo enquanto brinc/ga com Juju - http://youtu.be/pH_HlLc63vY - ou pirralha, faz Sansão sofrer - http://youtu.be/0_Dia2x5hz4 - e apanha de Bóris - http://youtu.be/qsegx2qYXgQ)


• 2) Foi por aqui que Milla fugiu, aparentemente:


A gente pôs tela no portão todo, mas ela pelo jeito achou um jeito de passar por esse cantinho mais espaçoso... =/

• 3) Ando colocando cartazes no bairro todo, ou ao menos inundei a rua onde moro, a onde morávamos, além de vários cartazes pingados por onde ando. Todo dia dou uma caminhada de manhã e mais duas depois da senzala.


Também disponível em pet shops, veterinários, lojas de conhecidos... Também fui mudando o "design" dos cartazes, os atuais tem os dados mais organizados e meu e-mail^^'''



Até na loja do Corinthians tem cartaz. Agora vai!

(Twitter: 2 é de menos #milla)

Como é tradicional no MushiComics, não vai ter atualização no site nos próximos dias. E com Camilla sumida, to sem cabeça para qualquer coisa além das buscas :|
Para os frequentadores do Blog³, era para ser um presente para mim mesmo, mas que perdeu o brilho na circunstância atual: com ajuda inestimável do @xfer, importei todas as minhas 500 fotos e comentários do fotolog para cá. É só.

(quando é o natal mesmo? :/)


Dados básicos:

Camilla, gata branca e bege, de cerca de ano e meio.
• Sumida em São Mateus, zona leste de São Paulo/SP.
• Dócil, usa uma coleira preta com três guizos.
• É bastante vesguinha.
•• O olho esquerdo pode estar machucado, ela tem herpes na órbita e tem tratamento
• Caso achem ou tenham notícias, enviem e-mail para: mushisan@yahoo.com
• Se quiserem divulgar essa página, usem esse endereço curto que criei: http://quadr.in/milla


Milla tem cerca de 3 quilos e meio, é branca e bege e usa uma coleira preta com três guizos

O que aconteceuO que estamos fazendoO que pode ter acontecidoO que pretendo fazerQuem é CamillaAgradecimentos

25/12/11: atualizaçãoagradecimentos
28/12/11: atualizaçãoagradecimentos
30/12/11: atualizaçãoagradecimentos
[adendo] (alguns esclarecimentos e links de vídeos...)
05/01/12: atualizaçãoagradecimentos
09/01/12: A faixa
13/01/12: Almofada
22/01/12: atualização
17/02/12: atualização ("Muro das Lamentações")


O que aconteceu: uma e meia da manhã eu e minha irmã fomos dormir, Camilla estava no quintal - essa casa em que estamos até o fim da reforma tem o quintal de frente para a rua. Como os gatos de casa não pulam, colocamos tela em todo o portão para eles não fugirem - com Sansão, Juju e Bóris.
Quando minha mãe acordou, às cinco e tanto, ela não estava lá. Marissel pensou que ela estivesse dormindo comigo e a preocupação começou quando levantei às sete e confirmamos que ela estava em lugar nenhum em casa.
O que estamos fazendo: soado o alarme, começamos as buscas: demos voltas nos quarteirões em torno de casa, passamos na casa-em-reformas (que é virando uma esquina), improvisamos alguns cartazes para deixar no portão e informei o veterinário. Também deixei recados no twitter que muitos amigos e desconhecidos repassaram e divulgaram também pelo facebook.
Fui trabalhar, e no intervalo do almoço, improvisei mais cartazes, distribuí nos pet-shops da região (quatro) e colei os restantes nas ruas de minhas casas. Depois do expediente, dei outra volta até a chuva, e mais uma voltinha entre o fim do dilúvio e o sol se por.


atualização: 25/12/11 - sábado e domingo dei várias voltas no bairro, e colei todos os cartazes que fiz na senzala, além de mais uma leva que tirei xerox. Criei uma url curta para este post: http://quadr.in/milla (divulguem!).
Visitei mais dois pet shops, uma clínica veterinária e uma casa de banho e tosa no bairro. Me indicaram algumas casas onde costumam deixar animais (à revelia dos proprietários das casas, que cuidam do bicho assim mesmo)(Juju e Jade (a do meu irmão, que estava aqui um par de meses atrás) vieram numa dessas levas).
Como falei, espalhei cartazes para todo canto, especialmente onde acho que aglomera gente: posto de saúde, igrejas, escolas, esquinas. Pontos de ônibus (medo de Milla ter sido levada para o emprego de alguém, dado o horário do sumiço), as duas ruas onde moro e as ruas que são entradas para favela aqui perto - não tive coragem de por cartazes lá dentro...
Abordei dois grupos de Testemunhas de Jeová - já que eles andam por tudo quanto é canto, podem ter visto - e transeuntes com animais de estimação. O que pode estar me atrapalhando nas buscas são os fogos, a chuva e o fato das pessoas estarem fora da rotina por causa das festas. -_-
Também cadastrei Milla em sites: o da prefeitura de São Paulo: http://www9.prefeitura.sp.gov.br/secretarias/sms/probem/achadosPerdidos/perfil/5434 e Cachorro Perdido: http://www.cachorroperdido.com.br/detalhe.aspx?IdAnuncio=79913&Tipo=P. O site Olhar Animal também cadastra e me mandou a seguinte mensagem: "(...)Recebemos sua mensagem. Ela será enviada aos protetores de animais da região onde o animal desapareceu. Desejamos que encontre o animal o mais breve possível. (...)" mais algumas recomendações. Fiz meu pai postar sobre Milla no facebook dele. Achei comunidade mais ou menos viva do meu bairro no orkut, deixei recado lá: http://www.orkut.com.br/CommMsgs?cmm=1371958&tid=5690030067388930801. Coloquei comentário em um site nada a ver com gatos, o Gizmodo, que fez o post "Contem o que o Papai Noel trouxe para vocês" (me achem na página 4 dos comentários).
Por fim, arrancaram alguns cartazes em frente de casa, repus. E recebi uma ligação sem identificação da chamada que não tive tempo de atender. Aguardo muitos trotes.

E sim, estou rezando, muito.

atualização: 28/12/11 - ainda na rotina de andar, colar cartazes (polícia dá medo), parar para conversar com qualquer um que tenha bichos. Achei mais pet shops, abordei um grupo de mendingos que dorme perto da minha rua.
Fiz uma versão menor do cartaz que ando colocando nos postes, mas com mais fotos no verso, para entregar durante as conversas. No banco, averiguo se a pessoa mora perto de casa, se sim, puxo o assunto e faço a pessoa embora com o mini-cartaz.
Contar que Milla
mamou numa poodle impressiona as pessoas... que gostam de bichos. Só quem tem animais entende o que estou fazendo, quem não tem/teve vive um universo a parte muito sem graça e sem compreensão do lado de cá. Pacência.
Cansaço físico, mental e espiritual.
Comentei que recebi uma identificação sem chamada no domingo. Então, na manhã seguinte recebi um torpedo emitido poucos minutos após a ligação (obrigado, Vivo, por não ter enviado nenhum dos meus torpedos de "feliz Natal", e por eu não ter recebido nenhum até agora...).


O endereço era ali perto. Liguei, mandei outro torpedo, sem resposta. Não avisei a família (alarmes falsos não faltarão...), fui até a casa tal - já tinha passado por ali algumas vezes - ninguém acordado, apenas um cachorro no quintal, sem sinal de gata. Depois, minha irmã foi lá, achou uma senhora que disse saber de vesga nenhuma. Era trote, que se confirmou horas depois:

Aposto que foi moleque e isso de celular emprestado é história pra boi dormir, mas deixa pra lá: também aposto que levou bronca ou ficou no cagaço ao descobrir que era localizável.
De noite, recebo ligação, que não se completa. O prefixo é de orelhão. Mais tarde, nova ligação, a cobrar: alguém falando que tinha uma gata branca e bege perto das casas Bahia etc. Eram dez e meia da noite e a pessoa praticamente repetia as características que coloquei no cartaz. Pergunto qual a cor da coleira da gata, ele erra. Deixo para lá, com dúvidas, mas com altíssima suspeita de que uma tentativa de assalto me esperava.
(se isso acontecer de novo, marco encontro DE DIA, em um lugar público alguns quarteirões afastado de casa)
No dia seguinte, andei pela avenida e achei os orelhões (obrigado, Anatel, pelo cadastro de telefones públicos não funcionar...) e arredores. Nada. Também trouxeram uma gata pra minha mãe ver. Gata errada XD
Acho que é só. As coisas estão num ponto que pessoas que não conheço me perguntam na rua se já achei Milla...

atualização: 30/12/11 - Bom, nessa madrugada vai fazer uma semana que Milla decidiu dar uma volta e se perdeu. Ou me perderam dela :| Da última atualização para cá improvisei um gif animado para todos os posts do blog³ (que tem muitas visitas aleatórias, nunca se sabe quem pode acabar caindo aqui...).
Anteontem tive três "eventos": alguém me liga de manhã para perguntar se achei Milla, já que o cartaz perto da casa dela tinha sido arrancado. Infeliz de quem arrancou, mas fofo da parte da mulher, por se importar :) Depois houve uma ligação que não atendi, retornei várias vezes e só no começo da noite, googleando, descobri que o telefone
(11) 7392-8935 é do telemarketing da Vivo ¬¬'. E no fim da noite, contatei um desses motoboys de drogaria. Maaaaais tarde ele me aparece com as boas novas "achei ela, tá na esquina ali, mexendo no lixo". Vou lá e encontro um gato rajado de cinza e rabo torto. Pior, esse é o gato que já tinha sido mostrado pra minha mãe antes. Capaz dele mesmo se enfezar e procurar Milla para pararem de lhe tirarem a paz.
Ontem (ou "hoje", não fui dormir ainda) me falaram de uma parecida na rua da minha casa em reforma. Não vi nada, mas dois vizinhos estão de olho. Aguardemos.
E teve a história do telefonema: antes do almoço, no banco, alguém me liga falando da gata: estava no parque São Rafael, quase três quilômetros em linha reta de casa, cruzando três avenidas. Achei improvável. Voz de moleque, depois de dar o endereço, perguntou de recompensa, falei que tinha, quanto?, vou ver na hora, se a gata for ela mesma. Sim, conduzi a conversa errado e acabei com o telefone sendo desligado na cara, mas eu estava atendendo cliente e mil coisas passa na cabeça da gente, inclusive o telefonema estranho de segunda que queria que eu fosse ver na calada da noite se uma suposta gata era a Camilla...
Terminando o atendimento e meio cético, liguei pro número, uma mulher me atendeu e disse que sabia nada de nada. Aposto que é a mãe do moleque. Também aposto que o menino viu outro bichano... e depois do expediente fui para lá com minha irmã: o endereço dado era de uma lojinha, sem gatos. Os donos foram gentis e pegaram cartazes, assim como uma mulher que abordamos antes (fomos na casa certa da rua errada), um pet shop e veterinário que achamos no caminho.
Veredicto: meu nome é poliana e acho que as coisas estão melhorando. Antes eram trotes e tentativa de extorsão, agora são gente bem intencionada errando e tentativa de extorsão. Se a vida seguisse uma progressão linear, logo estaremos em gente bem intencionada acertando e tentativa de extorsão x)

Atualização: 05/01/12 - Essa madrugada fazá duas semanas sem Milla, e da última atualização para cá, pouco aconteceu: nenhum trote, nenhuma pista, mui menos Milla de volta :( Duas semanas voando de forma indesejada.
Nem vou falar das minhas variações de humor a respeito: é dolorido estar ciente que as chances de encontra-la caem a cada dia e que já foi tempo demais. Decidi insistir na rotina de andanças e cartazes até fim da semana que vem (depois dos feriados, da normalização, dei mais uma semana) depois reduzo tudo - Milla não é minha vida, mas quero ambas de volta. Mas não vai ser legal, mas onde isso está sendo legal? As mensagens de apoio são legais, importantes, vida, mas ninguém queria estar dando elas, eu tampouco queria ter esse motivo^^

Colar cartazes, por sinal, é uma guerra contra as pessoas que os arrancam e aqueles serviços tipo "limpa fossa" que sobrepõem os deles em cima dos meus. E do medo da polícia me pegar - por isso evito coloca-los na avenida. Nessa, hoje teve meu primeiro revés: vi a prefeitura tirando dos postes os poucos cartazes que consegui colocar perto dos pontos de ônibs .-.
(isso de cartazes me lembra um tanto o que os cachorros fazem: sempre atrás de um poste novo e reforçar onde já marcaram seu território... .-.)

Imprimi algumas fotos de Milla, já que as pessoas só a viam pelo cartaz e pensavam que a gatinha é preto e branca. Agora as carrego nas andanças e exponho uma na senzala.

Abordamos os carteiros da região, inclusive o da nossa rua, que prometeu conversar com os colegas. Finalmente achamos o motoqueiro que é "segurança" noturno dessa e de outras ruas. Falei novamente com veterinária, que ia divulgar no facebook ("você tá divulgando? Não chegou nada pela minha rede"). Encontrei o posto de saúde aberto, os funcionários tinham visto meus cartazes e já estavam atentos se viam Milla antes de eu visitá-los =3
Estava andando a esmo quando uma vendedora de trufas, toda animada, me ofereceu para comprar algumas para "alegrar meu fim de ano". Contei a história, dei um panfleto, falei que estava sem dinheiro para não ser roubado e nunca vi o humor de uma pessoa sair do colorido para o preto e branco tão nitidamente :(

Já me falaram mais de uma vez em oferecer recompensa. Já respondi meus dois receios: 1) meus outros animais ficarem visados por gente que não presta. 2) roubarem gatos alheios pra me mostrar, e depois largarem eles. Aí ficamos eu e mais pessoas sem gatos. =_=
Sim, também já me falaram pra desistir "por que já era". Já fiz isso uma vez,
de não me esforçar o suficiente, e vou tentar até onde puder sem me prejudicar. Já tive obsessões na vida, não prestam. Mas matar uma atitude por "realismo" presta menos ainda.

Deixei de acreditar que Milla está perdida nas redondezas. Mesmo com tantos fogos e chuva, ela deveria estar em torno. Agora acho mais que alguém a pegou. A questão é se essa pessoa viu os cartazes ou não. Se sim, está me escondendo a gata :|
Há também a possibilidade de a terem matado ou comido. Já me estraguei um dia pensando nisso.
E a "carrocinha" não pega mais animais (exceto os que correm ou são risco), mas visitarei lá esse sábado.

Hoje peguei a faixa que fiz para colocar na frente de casa, ficou bonita até :\

Resumo: não achei minha gata até agora, só 15 centavos em moedas :|


Ela é bastante vesga e o olho esquerdo tem herpes, então às vezes ele fica irritado e fechadinho.

O que pode ter acontecido: com certeza Milla achou uma brecha na tela que temos no portão, provavelmente algo na rua chamou a atenção dela, ela foi e não soube voltar. Com certeza não foi criança que a pegou (por causa do horário) e como a maioria das pessoas que passam na rua nesse horário estão indo para o trabalho, há uma chance dela não ter sido pega e sim se perdido na vizinhança, não sabendo voltar e assustada com o barulho do dia em algum canto. Sim, há várias possibilidades piores rondando, mas me apego à essa acima até onde puder.

É gorduchinha, então com certeza não pulou o portão. Notem o olho esquerdo irritadinho =/

O que pretendo fazer: reforçar os cartazes na região, espalhar a notícia para vizinhos e conhecidos, andar chamando por ela nos horários mais sossegados: mesmo se ela não aparecer, talvez meu cheiro a ajude a se guiar depois. Gatos são famosos por sumiços de dias, e rezo para que este seja o caso, apesar dela ser boba de tudo e praticamente ser criada como gente. É extremamente dócil e brincalhona.
Quem é Camilla: uma gata :P Única sobrevivente de uma ninhada de três gatinhos recém-nascidos jogados fora ano passado (tem toda a história aqui, leia os posts de baixo para cima). Também é uma das modelos prediletas da minha câmera e xodó de todos aqui em casa. Sabe aqueles cartazes que falam "criança doente por causa de cão/gato desaparecido"? Aqui ela vai deixar adultos doentes :|

Agradecimentos: por darem RT da notícia com os dados de Camilla no twitter. A lista está longe de ser completa e eu sei que a ajuda da internet nesse tipo de caso é bem pequena, mas não vou dispensar essa possibilidade: @cami11a (não-coincidentemente, xará da gata), @marycagnin, @Eduardo_Daniel, @Pinkmichelaum, @SilMarq (25/11: que anda me dando MUITOS RT's), @simone_beatriz, @Plinti_, @Diaknoff (divulgou em listas de e-mail e está sempre me mandando DM :) ), @samesjc, @kimberovo, @amora_b, @apocrypha, @cellyborges, @jcmulatinho, @cristinaeiko (divulgou no facebook, 25/12 e me deu dica do http://www.anda.jor.br/), @garotageek, @soulomaeda, @ferabreu, @graveheart, @angelaernesto, @jess_ (me passou um site de cadastros de animais perdidos da prefeitura de São Paulo. Acho que consegui cadastrar lá...), @ClaudioParreira, @tintureiro, @KimonoVermelho, @tocadolobo, @GabiBianco, @menciclopedia, @liberosocial, @Eli_DFR, @anadefinisterra (divulgou no facebook), @EdBicho


Meu instagram, 24/12/11


agradecimentos 25/12/11: com um monte de ausências (e talvez algumas duplicações), por que o twitter engole várias pessoas que me deram RTs: @ALuizCosta (28/12: me deu destaque no "jornal" do twitter dele^^), @falleenv (divulgou na fecebook), @arddhu, @Koppe_RnC, @_Waleska_ (que perdeu Fermat há um ano e ainda não o encontrou :/), @drearts, @Daphi22, @mirianhonda, @marcorigobelli, @dellirium, @_TimeTraveler_, @marciamm, @jackiemorena, @stockler_, @renata_arruda, @ImACherryTomato, @ripchip, @carubim, @karina0034, @anilegna, @tiagosantana, @babicorreia, @andreaespindola, @1guifranco, @editoradraco, @joserobertov, @baraozero, @wilsonyoshio, @marciahk, @keylinhakiss, @bob_seibert, @EmanuelCR, @interaubis, @K_Spita e @skyzitty.
Também quero agradecer às muits historias boas recebidas, de gatos que voltaram às casas depois de vários dias. Elas confortam muito, ainda mais sabendo que há várias histórias tristes por aí =/ E agradecer a Deus por ter me dado uma sexta-feira breve e com pouco público, senão eu pirava no primeiro dia >_< (sim, to perguntando "coé, Pai?", todos os dias...)

Meu instagram, 26/12/11 - “Dois eh de menos =/”


agradecimentos 28/12/11: qualquer ausência, me falem! - @KatiaSousa, @danielvieirads, @kariesteves, @marcelrgoto, @beckenkamp, @miguelrude, @biradantas, @gabikato, @pedro_cobiaco, @strixvanallen, @AlliahArt, @lucaslrocha_, @prolucia, @RaineriRRC, @annystarfish, @_juby_, @regina26, @LariLuersen, @petraleao, @Marcelo_Cassaro, @elias_era, @Doduti, @guivillanova, @ehllychan, @loyola_ju, @ninaringo e @Leo_Kaneda.
Também gostaria de pedir a quem criou posts do facebook e outras redes, me passassem os links para eu colocar aqui^^'

Milla tem herpes dentro do olho esquerdo, então às vezes inflama como na foto, ou pior, a ponto de fechar todo o olhinho dela :|


agradecimentos 30/12/11: @RodReilly, @FrancisViveiros, @DD_Sardi, @M_arih, @stephanmartins, @PatHellmanns, @ila_fox, @iva_cafe, @clariarte e @BrunoG_Pimentel.
E à Alleen Vormgev por ter colocado uma das fotos pra compartilhar no facebook: http://www.facebook.com/photo.php?fbid=2552537491000&l=59c353756a (sim, outras pessoas fizeram antes dela, mas perdi os links e não me passaram ainda u_u)

Onde estará? :(


agradecimentos 05/01/12: @chrysippo, @krisbrus, @umbrios, @ladykourin, @draconnasti, @prialanis, @IgorLemon, @sorabarbosa, @Gigisxavier, @SauloGoki, @liacrespo, @kotsuki_chan, @Anakoe, @mariocaraujo, @GiovanaVeccio, @Lilycarroll, @dri_pepper, @Eosm, @JMTrevisan, @luciannomaza, @Jessikayume, @milaf, @oslevados, @dariofduarte, @Bullshico, @lemyngue, @Rhael, @mwaha_8D, @SOStela, @lucafaggi, @SosaMQ, @FefaFonseca, @cericn, @PandaNana, @rodrigormh, @choobis, @Patykell, @RaphaelSoma, @AnipaSP, @magnesio, @coscobeu, @focinhosgelados, @MiloMilozeco, @sandrasimi, @massa_gina, @ginabezerra, @L2BloomProf, @cleide_mariana, @lianazecca, @ellenzinha_panz, @MKWS, @Eu_Diana, @mbarros2010 e @luvioli.
No facebook, teve o mural do "Ajude o Nino", aqui: http://www.facebook.com/permalink.php?story_fbid=314780188556877&id=227864333910268. Também estou esquecendo de citar vários serviços que me cadastrei, mas são 2 da matina, outra oportunidade dou os créditos ^^"""


Instagram: Vítimas do calor (Twitter: Vítimas do calor)

• 800g de coco
• 1kg de açúcar

Sobre isso de receitas no blog, leia aqui e aqui.
Aviso: Eu NUNCA cozinhei na vida, só estou digitando e postando ;P


(Twitter: Marissel Milla Bóris)

Minha mãe tem um deviantart, e o lerdão aqui demora para atualizar lá, mas já to colocando a casa em ordem =p



Visitem: http://marissel.deviantart.com/

• 1l de açúcar
• 6 ovos
• 1 xícara de manteiga
• 1 pitadinha de sal
• 2 colheres de sal amoníaco
• 1 copo de leite

Sobre isso de receitas no blog, leia aqui e aqui.
Aviso: Eu NUNCA cozinhei na vida, só estou digitando e postando ;P

Mas é que quero reformar o mushicomics, 2012 tá aí, né? XD)


Instagram: Zzzzzzzzzzz (Twitter: zzzzzzzzzz)

(Twitter: Copy and paste)

About this Archive

This page is an archive of entries from December 2011 listed from newest to oldest.

November 2011 is the previous archive.

January 2012 is the next archive.

Find recent content on the main index or look in the archives to find all content.

Pages

Powered by Movable Type 5.13-en