March 2011 Archives

("Sessão Zumbi" era o nome da seção de cartas do fanzine que fazia com amigos. (Achávamos que ninguém escreveria para ela, então seria uma parte meio morta do zine XD) Agora é o nome da "seção de cartas" do mushicomics: comentários que fizerem sobretudo nas notícias do site, responderei aqui, toda quarta ou algo assim).

"Sessão Zumbi!! (cartas, calendário 16/03/11)"
Mary Cagnin: A não ser q isso seja um problema mto grande... deixa rolar!! Pelo menos agora vc tem bastante séries consolidadas no site, q tem frequencia e visitação, e ainda um espaço pra novas histórias =)
• bom, se isso virar um problema, vou ter de bolar um plano B ^^
• Ah, se vc quiser acelerar as ultimas paginas da quarta edição, não tem problema! A quinta já está a caminho e nem vai demorar muito! ^^
•acho que vou mandar um e-mail geral com os autores 'na fila' para ver o que fazer... além de definir o que vai ser do meu período de férias.

Marcus Beckenkamp: Pra quem não viu. Tem um "T8" tímido numa segunda-feira de Junho. É Tailer, galera! To lento, mas não to morto não! =D
• viu que coloquei as outras páginas? Dependendo do futuro, vou tentar subir uma semana ou duas.

The Fool: Ei Mushi, fiz uma pequena divulgação de Hime-sama no Yahoo, repassa pra Wa-chan pra mim! http://br.answers.yahoo.com/question/index?qid=20110317095405AARqyzf
• assim que ela der as caras, mostro pra ela :D A Wá anda sumida, acho que o tsunami levou ela... Mas fica o link pros visitantes do site irem lá também xD

Calendário:


SOCORRO!!!! o calendário tá ficando MAIS cheio!! O que fazer? o.o

legenda das cores:
verde: histórias com páginas para alguns dias a mais no estoque.
amarelo: última página que recebi da história.
vermelho: fim da história.
cinza: recesso, feriado, preguiça e afins. =P

MushiComics: Que site é esse?


MushiComics é uma site de histórias em quadrinhos online em que todas os dias - exceto domingos e feriados - pelo menos uma nova página de quadrinho é colocada aqui para você ler ;)

Estamos sempre procurando novas histórias e colaboradores! Você tem uma história? Junte-se a nós! Aceitamos hqs em todos os estilos (comics, mangá etc), exceto histórias pornográficas / hentai / eróticas e quadrinhos com personagens de terceiros sem autorização dos criadores. (Maiores informações, clique aqui e mande mail para o mushi-san)

Há também uma versão impressa do site, a revista MushiComics, com histórias inéditas e vendidas em algumas lojas de São Paulo, Rio de Janeiro, Curitiba, Brasília, Natal e Palmas e também pelo correio. (clique aqui para se informar mais)

Para terminar o site pode ser acessado por dois endereços: www.mushicomics.com ou www.mushi-san.com.


MushiComics, expediente:
miniaturas das histórias da semana: Wá-chan (atualmente se localiza entre a ilha de Lost e a terra de Oz)
divulgação, agitadora e muita paciência: kari esteves
todo o resto, inclusive a parte que não funciona: mushi-san

(setembro/2010)


Tá um tico granuada a foto por que andei brincando com o ISO

Não, não sou eu (apesar que esse fds vi duas ex ao mesmo tempo, depois conto o causo e uma história aterradora relacionada. Ou não.), mas trouxeram uma gatíssima para namorar Sansão, a chichila com celulite no pelo:



Não lembro o nome dela, ficou um fim de semana aqui, muito boazinha. Ficaram trancados no banheiro, mas não gostou muito da companhia:


"Papo de pedreiro? Eu?"


Toda vez que eu entrava lá, ela estava no alto, beeem longe dele, exceto na hora de escovar os dentes, quando sempre achava um par de olhos amarelhos sobre outro, olhando pra mim.

"Desculpe, hora errada..." #fechaaporta

"Órgão Expedidor" é um daqueles campos de formulários em que as pessoas sem muita convivência com documentos e burocracias (no sentido "neutro" da palavra) mais se atrapalham. Geralmente significa onde a identidade foi feita e na maioria dos casos você responde com SSP/XX (Secretaria de Segurança Pública e XX é a sigla do Estado onde foi feita. tipo SSP/SP, SSP/RJ, SSP/PE, SSP/AC etc)

(Como por aqui é SSP/SP, já vi estagiários achando que para as outras Unidades da Federação seriam RRJ/RJ, PPE/PE, AAC/AC... -_-')

Enfim, hoje uma das caixas estava morrendo de rir:



Não sei se o culpo por não saber o que é "orgão expedidor", mas acho muito feia a opção dele :P

"Sessão Zumbi" era o nome da seção de cartas do fanzine que fazia com amigos. (Achávamos que ninguém escreveria para ela, então seria uma parte meio morta do zine XD) Agora é o nome da "seção de cartas" do mushicomics: comentários que fizerem sobretudo nas notícias do site, responderei aqui, toda quarta ou algo assim.

• Sobre a compilação de hqs, entrevistas e tal, que falei aqui: ainda to matutando sobre =p

• Sobre a idéia da lojinha: só a Kari se pronunciou. E mesmo assim, preciso vencer a mãe de todos os vícios... -_-

"Sessão Zumbi!! (cartas, calendário 26/01/11)"
Mary Cagnin: Ok, definitivamente nunca vi um calendário tão monstruoso!! Assim q precisar de mais paginas é só avisar ^^'
• Eu também estou ficando assustado -_- Espero que os novatos e os apressadinhos em geral tenham paciência. Por sinal, se alguma das histórias aceitar que eu mexa na quantidade de páginas por dia, para acelerar a publicação e abrir vagas para outros, falem comigo em PVT^^

"Sessão Zumbi!! (cartas, calendário 18/02/11)"
Max Andrade: o blue hair brothers ficou de fora?
• Não se assuste, esse calendário está sempre em reconstrução. E histórias novas dependem da aprovação dos leitores para que eu coloque mais páginas =)

"Papo de Segunda, 21/02/2011 - histórias mais comentadas de janeiro"
Equipe Kanpai: UOU! =OOOOO Só agora fui ver! Puxa, que honra!!! Vamos nos esforçar para fazer algo novo para o Mushi publicar e ganharmos muito dinheiro e...rs...Sério, valeu a todos aí! Que emoção! =D
• Ficamos no aguardo :D Mas espero ver personagens próprios de vocês agora ;)

Calendário:


SOCORRO!!!! o calendário tá ficando cheio!! O que fazer? o.o

legenda das cores:
verde: histórias com páginas para alguns dias a mais no estoque.
amarelo: última página que recebi da história.
vermelho: fim da história.
cinza: recesso, feriado, preguiça e afins. =P

MushiComics: Que site é esse?


MushiComics é uma site de histórias em quadrinhos online em que todas os dias - exceto domingos e feriados - pelo menos uma nova página de quadrinho é colocada aqui para você ler ;)

Estamos sempre procurando novas histórias e colaboradores! Você tem uma história? Junte-se a nós! Aceitamos hqs em todos os estilos (comics, mangá etc), exceto histórias pornográficas / hentai / eróticas e quadrinhos com personagens de terceiros sem autorização dos criadores. (Maiores informações, clique aqui e mande mail para o mushi-san)

Há também uma versão impressa do site, a revista MushiComics, com histórias inéditas e vendidas em algumas lojas de São Paulo, Rio de Janeiro, Curitiba, Brasília, Natal e Palmas e também pelo correio. (clique aqui para se informar mais)

Para terminar o site pode ser acessado por dois endereços: www.mushicomics.com ou www.mushi-san.com.


MushiComics, expediente:
miniaturas das histórias da semana: Wá-chan (atualmente se localiza entre a ilha de Lost e a terra de Oz)
divulgação, agitadora e muita paciência: kari esteves
todo o resto, inclusive a parte que não funciona: mushi-san


(se Bóris aprendesse a falar, iria ser o maior fofoqueiro da região: sempre perto das coisas acontecendo, sempre atento... até demais)

#lalalala

10 comentários!!
Gangues (http://quadr.in/gangues): Capítulo 1 - Página 4, Capítulo 1 - Página 9, Capítulo 1 - Página 14, Capítulo 1 - Página 15, Capítulo 1 - Página 16, Capítulo 1 - Página 20 e Capítulo 2 - Página 3 [4]

9 comentários!!
Vidas Imperfeitas (http://quadr.in/vidasimperfeitas): Capítulo 3 - página 24 [3], Capítulo 3 - página 26 [5] e Capítulo 3 - página 28

7 comentários!!
Pirates! (http://quadr.in/pirates): 116, 117 [2], 118 [2], 119 e 120

7 comentários!!
Electronic Beats (http://quadr.in/electronicbeats): Volume 1 - Capa, Volume 1 - Página 15, Volume 1 - Página 18, Volume 1 - Página 22, Volume 1 - Página 28 [2] e Volume 1 - Página 31

6 comentários!!
Blue Hair Brothers (http://quadr.in/electronicbeats): Página 2, Página 8, Página 9 e Página 10 [3]

2 comentários!!
Pirates! Especial de Verão (http://quadr.in/piratesespecialdeverao):
Página 5 e Página 10

2 comentários!!
Kanpai Especial Ethora (http://quadr.in/kampaiespecialethora):
Página 15 e Galeria 2

1 comentário!!
A Última Batalha de Évora, Página 12 (http://quadr.in/ultimabatalhadeevora)
Hime-Sama!, Capa (http://quadr.in/himesama)
Bram & Vlad, Depois do baile... (http://quadr.in/bramevlad)
Arma Humana, Página 10 (http://quadr.in/armahumana)
S.P.Y. Project, Capítulo 7 - página 6 (http://quadr.in/spyproject)

Já notaram que A Última Batalha de Évora volta e meia aparece nos comentários? =) É uma das primeiras histórias do site, de 2005, e sempre tem quem visite e comente :)

Ranking até agora:
1) Vidas Imperfeitas - 47 comentários (http://quadr.in/vidasimperfeitas)
2) Kanpai Especial Ethora - 26 comentários (http://quadr.in/kampaiespecialethora)
3) Arma Humana - 19 comentários (http://quadr.in/armahumana)
4) Pirates! - 16 comentários (http://quadr.in/pirates)
5) Gangues - 14 comentários (http://quadr.in/gangues)

Uma das falhas do meu currículo de leitor é ter lido praticamente nada de Machado de Assis, considerado o nosso melhor escritor e tal. Outra das minhas falhas é estar lendo mais traduções que textos escritos originalmente em português: acabo importando os vícios filtrados de outras línguas e acabo perdendo contato com a forma natural de nossa língua no modo escrito.

Com o Kindle, decidi sanar esse pobrema x) O projeto original era pegar os textos do Machadão aqui, converter pro Kindle e voilá: literatura de qualidade grátis :D Baixei um dos livros em html, fiz a conversão pelo e-mail e descobri duas coisas irritantes:
1) o html não tem tabulação. É irritante ler um texto literário sem aquele espaço no começo de cada período. Ou com linhas entre os parágrafos por que o html tem dessas, sem saber se isso foi escolha do autor ou não.
2) por alguma cabala maldita no html do site, apareceu uma margem de quase 2 centímetros no lado esquerdo da tela. Desconfortável =_=

Claro que com algum esforço eu poderia descobrir os problemas, arrumar o código bonitinho e tal para ser convertido decentemente, mas... na Amazon esse livro está custando em torno de 3 dólares. O que compensa mais? Perder horas briNgando com html ou pagar cinco reais? X)

Nem pensei duias vezes, baixei várias amostras gratuítas para ver qual está melhorzinha - afinal, o livro está em domínio público, qualquer um pode formatar o texto e vender onde quiser... - uma delas tinha até os mesmos defeitos da minha tentativa de conversão, nem se deram ao trabalho de dar uma reformatada no texto pra torná-lo mais legível. Ah, esse povo do dinheiro fácil...
Achando uma edição que vale meu suado dinheirinho, me dediquei à leitura...

Uma vez me falaram (Eco, foi você?) que existem dois tipos de livros: o conflito e a viagem. No primeiro há um problema para se resolver, e é o tipo mais comum e mais popular de livro. No segundo, os personagens vão de um lugar a outro, mostrando os fatos e ponto interessantes sem necessariamente ter um problema a resolver. A Divina Comédia é um deles, no meu ver Alice é outro. E vou incluir Memórias Póstumas de Brás Cubas na categoria, já que conta a vida do suposto autor da história, que narra sua vida antes depois de morrer =)
Se você procura ação e uma trama, aviso que vai achar o livro morno, com várias críticas sutis à todas as classes sociais, gêneros e tipos de humanos em si... eu ainda estou digerindo várias coisas e acredito que Um Dia terei de fazer releitura. Não entendo por que empurram Machado para colegiais: ele pede um leitor mais maduro.
(Obras erradas para público errado só dá rejeição =_=)

Problemas dessa edição: quem formatou colocou as tabulações mas esqueceu de numerar os capítulos ¬¬ E o narrador cita a numeração dos capítulos trocentas vezes =_= Há uma meia dúzia de caracteres com problemas e o livro termina com um bugadíssimo "\end{document}", revisão que é bom, neda, né?
Outro probleminha que é mais culpa do Kindle do que de quem converteu: falta de notas de rodapé (não tem como fazer isso ainda) ou de um vocabulário ou de um guia no final do livro, para eu pegar as referências que não entendi. É um livro velho e o Brasil de Machado de Assis era imperial, sem futebol nem escola de samba, era outro país. Mesmo sendo a minha língua pátria, somos tão distantes que preciso de uma tradução ^^

Comentando algumas leituras recentes de quadrinhos, mas não se acostumem X)

Miyuki-chan no País das Maravilhas, do CLAMP - comprei o mangá por ser do famoso grupo de autoras japonesas overrated que às vezes acertam a mão. Sem roteiro, diagramação confusa (o grupo é notório por fazer cenas de ação que só entendo quando algum personagem comenta depois que acontece a rabisqueira, "Tsubasa: Reservoir Chronicle" que o diga...), se eu soubesse que era assim, teria lido o scan. E deletado.

Um mangá mais honesto lançado na onda do péssimo filme do Tim Burton é a adaptação da Sakura Kinoshita, bastante fiel.

Em tempo, sobre Miyuki-chan ainda: tem hq's tocando o tema "fetiche" melhor desenvolvidos e desenhados no DeviantArt...


Diário da Lua Negra, de Chee Gilson e Brett Uher - juro que leveo o primeiro volume da história (um "amerimanga", já que as autoras(?) são da Gringolândia) pela colorização da capa -_-'
Mas não me arrependi: apesar da trama básica (menina normal perde os pais e vai viver com parentes próximos em outra cidade, lá descobre todos sao vampiros/lobisomens/afins e tem de conviver com isso, com escola, novas amizades e com rivalidade besta por causa de garotos), a históira é bem desenvolvida, apesar de bem estilizada, assim como os personagens exagerados e o traço (que é meio anguloso, mas acostumei).

Se você procura diversão sem compromisso, tendendo pra comédia, tá recomendado^^ E são só dois volumes X)

Tomei vergonha na cara e estou tentando ler 50 páginas por dia para matar pelo menos 1/3 da pilha ainda nesta encarnação.

Li:
Anno Dracula, de Kim Newman - No final de Drácula de Stoker, em vez de Van Hensing e seus companheiros destruírem de vez a ameaça do vampirão, acontece o desastre: Vlad dá a volta por cima, destrói seus inimigos, casa-se com a rainha Vitória e o mundo muda. Três anos depois, com vampiros no poder e a população dividida entre vampiros e "quentes", prostitutas de dentes compridos são misteriosamente assassinadas por alguém que se intitula "Jack, o estripador".
Parece lekal, né?

É. Mas não é daqueles livros que eu evangelizaria: Anno Dracula sofre de excesso de personagens, a maioria emprestados de outras obras - esse é o grande "plus" do livro, a referência cruzada com outras obras de ficção, especialmente da era vitoriana. Me diverti reencontrando personagens de Sherlock, de Drácula mesmo, vampiros relativamente obscuros com Ruthven dando as caras (sorte que li O Vampiro Antes de Drácula para saber quem e a importância dele), mas quando até Fu Manchu deu as caras veladamente eu disse "chega" e comecei a torcer para os marcianos de Wells aparecerem e matarem todo e qualquer personagem literário ainda não-citado.
Com tantos personagens alheios, o autor não se preocupa em desenvolve-los tão bem quanto faria - parece que Newman se preocupou mais em enfiar referências em cada área livre pra provar o quão extenso leitor ele é - e você se apega superficialmente a os principais (que obviamente iriam virar casal) e tá nem aí com o destino dos outros.

(E nessa de ficar de enfiando qualquer coisa no enredo, tem pelo menos três capítulos inteiros que eu mandaria limar se fosse o editor original: 18, 27 e 29 - eles acrescentam nada à resolução da trama ou à desenvolvimento de personagens).

Pra completar a lista de pontos ruins, um bando de vampirusdumaw emburrecem subitamente e ficam assistindo briga em vez de por fim ao perigo representado pelos heróis. Típico -_-'

De pontos bons... a trama é escrita de forma correta, mas sem muitas invenções, tem umas cenas legais, né... o autor me surpreendeu uma vez - pensei que a pessoa secreta que estava fazendo uma coisa que não vou spolear era uma, e revelou ser(em) outra(s) - e se você souber quem são alguns dos personagens sem consultar a lista no final do volume, vai até se sentir recompensado intelectualmente, tipo ter estudado a matéria certa pra prova. =P

Veredicto: leia na livraria, na biblioteca, pegue emprestado sem medo. Mas se teu bolso e/ou estante estão apertados, precisa não.

(Um off: existe alguma crítica sobre a Aleph de publicar apenas material de ficção/fantasia estrangeira e não investir em material nacional. Pessoalmente, eu acho que a Aleph está fazendo algo importantíssimo pro mercado trazendo para cá obras que são famosas, que volta e meia você vê referenciada em entrevistas, reportagens e prefácios, mas que não existiam em nossa língua)(ou com edições tão antigas e raras que são disputadas a tapa no sebo, tipo Duna)



Comprei:
A Maldição de Titã, de Rich Riordan - Típico meu: vou comprando a série sem ter lido o primeiro ainda... -_- Mas isso se chama trauma de quem ficou bobeando e não acha mais quando decide comprar.

Ah, sim: me recuso linkar editoras que transformaram o facebook em site oficial. Passar bem.

sR

Sobre o terremoto no Japão, estou um tanto preocupado: fiquei dele sabendo sexta de manhã, quando abri o e-mail e meu amigo desde tempos de colégio avisando que ele e família estavam bem. Graças a Deus.
Isso é, soube da situação deles antes de saber do desastre.

Depois soube do grau: 8.9

...e finalmente fiquei sabendo que aconteceu em Sendai, cidade onde mora uma das amigas do Second Life mais converso. Azucrino tanto a coitada, que ela já apareceu aqui no blog duas vezes: aqui e aqui.

Enfim, estou sem notícias dela de lá para cá. Eu sei que a região está sem luz, sem telefone... internet e jogo deve ser a última coisa que passa na cabeça de alguém (exceto os viciados... né amiguinhos? XD), mas preocupação é preocupação, ainda mais com alguém que convivo quase que diariamente - e que para piorar, não conheço nome e rosto reais para garimpar informações na rede.


Há outros japoneses que convivo, tanto no SL quanto fora, mas estes - a maioria de Tóquio ou de cidades mais ao sul, longe do epicentro - já deram sinais de que estão bem.

Minha taxa de leitura da foto anterior pra cá foi vergonhosa, isso sim, mal arranhei =_='
Dos livros que estavam antes, uns poucos dos que não li mudaram de lugar =p E agora tem 2 livros religiosos nela, em vez de dois.

E Hitler, claro, continua no fim da fila.

"Sessão Zumbi" era o nome da seção de cartas do fanzine que fazia com amigos. (Achávamos que ninguém escreveria para ela, então seria uma parte meio morta do zine XD) Agora é o nome da "seção de cartas" do mushicomics: comentários que fizerem pelo site afora (sobretudo nas notícias), responderei aqui, toda quarta sexta... ah, algo assim.

• SIm, faz tempo que eu não atualizo nada =_=

Calendário:


Vamos lá: se você pretendia publicar no site, vagas só em JUNHO agora. Talvez eu faça uma reorganizada semana que vem, mas vocês sabem que quando falo no futuro não significa que eu cumpra a promessa na data =P

Entre abril e maio vou "tirar férias" (viagem, longe do PC) e ainda não sei o que fazer com o site nesse período para não perder visitas :|

Para os assustados com o excesso de histórias programadas: estamos em período de férias, geralmente a "produção" dos autores diminui no fim do semestre, quando chegam as provas X)

legenda das cores:
verde: histórias com páginas para alguns dias a mais no estoque.
amarelo: última página que recebi da história.
vermelho: fim da história.
cinza: recesso, feriado, preguiça e afins. =P
magenta: a partir desse ponto, o calendário está sujeito a mudanças

MushiComics: Que site é esse?


MushiComics é uma site de histórias em quadrinhos online em que todas os dias - exceto domingos e feriados - pelo menos uma nova página de quadrinho é colocada aqui para você ler ;)

Estamos sempre procurando novas histórias e colaboradores! Você tem uma história? Junte-se a nós! Aceitamos hqs em todos os estilos (comics, mangá etc), exceto histórias pornográficas / hentai / eróticas e quadrinhos com personagens de terceiros sem autorização dos criadores. (Maiores informações, clique aqui e mande mail para o mushi-san)

Há também uma versão impressa do site, a revista MushiComics, com histórias inéditas e vendidas em algumas lojas de São Paulo, Rio de Janeiro, Curitiba, Brasília, Natal e Palmas e também pelo correio. (clique aqui para se informar mais)

Para terminar o site pode ser acessado por dois endereços: www.mushicomics.com ou www.mushi-san.com.


MushiComics, expediente:
miniaturas das histórias da semana: Wá-chan (atualmente se localiza entre a ilha de Lost e a terra de Oz)
divulgação, agitadora e muita paciência: kari esteves
todo o resto, inclusive a parte que não funciona: mushi-san

A foto não é minha, é de colega de banco:


Aposto que tem vizinho muito, muiNto reincidente por detrás deste cartaz XD

Tá. Legal. Agora apaga a luz!



o olho esquerdo dela (direito na foto...) ainda tá inflamadinho


PS: post atrasado, mas eu trabalho a tarde, ok? :P


#espreguiça

About this Archive

This page is an archive of entries from March 2011 listed from newest to oldest.

February 2011 is the previous archive.

April 2011 is the next archive.

Find recent content on the main index or look in the archives to find all content.

Pages

Powered by Movable Type 5.13-en